Ola..

Seja bem-vindo, Obrigado por acessar nosso Blog.
Hoje é

quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

CNA Regional - Notícias do Dia 0 de dezembro de 2010

Fonte:CNA - Notícias do Dia

Quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Prazo para regras dos orgânicos termina dia 31
Agrolink - Sophia Gebrim
Novas regras vão garantir maior oferta de alimentos de qualidade na mesa do consumidor e produtos com padronização oficial(...)

Agronegócio enfrenta falta de mão de obra
Expresso MT - Da Redação
O agronegócio vive uma verdadeira revolução tecnológica com a introdução de inovações que atingem até mesmo a simples aplicação de defensivos(...)

Previsões falham e safra vai bem
Gazeta do Povo Online - Cassiano Ribeiro
Previsão de La Niña intenso não se confirma e chuvas de dezembro alimentam expectativa de boa produção no Paraná(...)

Crescimento da celulose e papel
Jornal do Comércio - Danilo Ucha
O setor gaúcho de celulose e papel está fechando o ano com um crescimento similar ao registrado em nível nacional, 5,1% e 3,4%, respectivamente, na comparação com 2009(...)

Incidência da doença é zero nesta safra, frisa a Aprosoja
Diario de Cuiaba - Marcondes Maciel
Considerada o terror do sojicultor mato-grossense nas últimas safras e uma das responsáveis pelo aumento dos custos de produção, a ferrugem asiática da soja está sob controle - até o momento -, em Mato Grosso, na safra 10/11(...)

Cobertura vacinal da campanha contra a aftosa atingiu 94,31% dos animais jovens no Estado
Zero Hora - Da Redação
Encerrada no dia 10 deste mês, após a ampliação do período previsto para o final de novembro, a cobertura vacinal da segunda etapa da campanha contra a febre aftosa no Estado chegou a 94,31%(...)

Ministro da Pesca libera R$ 1 milhão para Iguatemi e M. Novo
Agora MS - Da Redação
O ministro da Pesca e Aquicultura e Pesca, Altemir Gregolim, liberou pouco mais de R$ 1 milhão para os piscicultores dos municípios e Mundo Novo e Iguatemi investirem na melhoria da produção de peixes na região Cone Sul de Mato Grosso do Sul(...)

BB anuncia mudanças nas contratações
Diario de Cuiaba - Da Redação
As agências do Banco do Brasil irão operar sob as novas regras relativas às exigências de comprovação do Licenciamento Ambiental, Averbação da Reserva Legal e Outorga de uso de água para as operações de crédito rural em 2011(...)

Produtores de batata pedem medidas de compensação ao produto europeu que chega subsidiado ao Brasil
Expresso MT - Da Redação
Importações dobraram nos últimos cinco anos(...)

Notícias selecionadas em primeira mão:

Clique aqui para informações estratégicas personalizadas

A receita da exportação mineira de carne de frango atingiu US$ 225,6 milhões, entre janeiro e novembro de 2010, valor 33,7% superior ao registrado em igual período de 2009.

Leia mais em Avicultura

1- Adubos e defensivos agrícolas
1- Aquicultura
1- Avicultura
1- Bovinocultura de corte
1- Bovinocultura de leite
1- Café
1- Carga tributária
2- Cereais, oleaginosas e fibras
1- CNA/Senar e outras entidades
2- Defesa sanitária animal
1- Economia
2- Horticultura e fruticultura
2- Logística e infraestrutura
1- Meio ambiente
1- Melhoramento genético e transgênicos
1- Raízes comestíveis e caules subterrâneos


terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Adubação Verde e qualidade do solo no Cerrado

Adubação Verde e qualidade do solo no Cerrado

Por Arminda Moreira de Carvalho.


A adubação verde corresponde ao uso de espécies vegetais (adubos verdes/plantas de cobertura) em sucessão, rotação ou em consórcio com as culturas, com objetivo de se buscar a proteção da superfície, bem como a manutenção e a melhoria da qualidade físico-hídrica, química e biológica do solo, em todo seu perfil. Nesse contexto, partes das plantas utilizadas podem ser aplicadas a outros fins, como na produção de sementes, em fibras e na alimentação animal. Os adubos verdes/plantas de cobertura contribuem para o aumento de diversidade de espécies e de resíduos vegetais em sistemas agrícolas do Cerrado. Assim, busca-se minimizar os impactos da conversão da vegetação natural ao processo de produção, que historicamente tem se baseado em monocultivos.

O uso de adubos verdes/plantas de cobertura resulta em efeitos positivos às propriedades físicas, químicas e biológicas do solo, consequentemente, contribui para o manejo sustentável dos agroecossistemas. O incremento de nitrogênio no solo - seja por meio da fixação biológica, mediante incorporação de biomassa, principalmente de leguminosas -, proporciona economia significativa de fertilizantes nitrogenados. Essa prática também contribui para o controle de insetos-pragas, doenças, nematoides e plantas invasoras, reduzindo as aplicações de inseticidas, fungicidas e herbicidas.

A incorporação de adubos verdes ao solo promove a ciclagem mais rápida de nutrientes, favorecendo seu uso pela cultura em sequência, sobretudo, daqueles nutrientes com potencial de lixiviação como o nitrogênio ou dos que podem ser retidos com relativa facilidade, como o fósforo. No sistema plantio direto, os benefícios para a qualidade física, química e biológica do solo podem manifestar-se num período mais longo, principalmente no Cerrado, devido à decomposição acelerada dos resíduos vegetais, dificultando o estabelecimento de uma eficiente cobertura da superfície. O não-revolvimento do solo favorece, ainda, o acúmulo de fósforo nas frações de maior disponibilidade e o incremento no estoque de carbono no perfil de solo.

O controle de erosão, hídrica ou eólica, é outra vantagem do uso de adubos verdes/plantas de cobertura, que minimizam perdas de solo e, consequentemente, de água, nutrientes e matéria orgânica. A redução/eliminação de aplicação de pesticidas e fertilizantes tem impactos ambientais e econômicos altamente positivos, diminuindo os riscos de poluição do solo e dos mananciais hídricos.

O uso de adubos verdes/plantas de cobertura também representa uma das opções da diversidade de espécies com reflexos na qualidade do solo, principalmente, pela potencialidade em relação à fixação biológica de nitrogênio; à associação com fungos micorrízicos; à ciclagem de nutrientes; e à tolerância ao estresse hídrico. A identificação de espécies tolerante ao estresse hídrico, como mucuna, guandu e feijão-bravo-do-ceará, é fundamental para se recomendar cultivos na entressafra no Cerrado, quando o solo descoberto fica exposto aos agentes de degradação (radiação solar e erosão).

Apesar dos vários efeitos positivos já relacionados, os adubos verdes/plantas de cobertura são pouco cultivados na grande área de produção de grãos do Cerrado. As principais limitações ao uso dessas plantas nos sistemas agrícolas são: (1) pouco conhecimento de suas características e compatibilidade com o sistema de produção; (2) baixa divulgação da tecnologia; (3) informações limitadas provenientes de estudos agronômicos, incluindo os de melhoramento genético, havendo poucas cultivares lançadas; (4) custo de implantação elevado, sem retorno imediato, desestimulando o produtor; (5) germinação irregular de sementes de algumas espécies com elevado potencial para adubação verde; (6) inadequação ou inexistência de equipamentos para semeadura e beneficiamento de sementes; (7) ciclo de difícil compatibilidade com o das culturas; (8) dificuldades na colheita; (9) falta de disponibilidade rotineira de sementes ou sementes sem qualidade; (10) preço elevado de sementes.

Para viabilizar o uso de adubos verdes em sistemas agrícolas no Cerrado há necessidade de se associarem os parâmetros agronômicos com as condições edafoclimáticas, que se caracterizam por longos períodos de estresse hídrico e baixa fertilidade natural do solo. É também necessário compatibilizar diferentes espécies vegetais aos sistemas de cultivos como rotação, sucessão ou consórcios.

As principais características agronômicas a serem consideradas na escolha de espécies vegetais para adubação verde são as seguintes: rendimento de biomassa; produção de sementes; ciclo compatível com a cultura comercial; sementes de fácil obtenção e colheita; baixa susceptibilidade a doenças e insetos-pragas; enraizamento profundo; tolerância ao alumínio; eficiência na associação com fungos micorrízicos; extração e ciclagem de nutrientes; fixação de nitrogênio atmosférico; resistência ao estresse hídrico; controle de invasoras e de nematoides; aumento na produtividade das culturas subsequentes.

Alguns cuidados básicos devem ser tomados ao selecionar espécies vegetais para uso na adubação verde. Um dos aspectos mais importantes é que determinadas espécies vegetais podem tornar-se hospedeiras de pragas-chave de culturas, como milho, soja, cana-de-açúcar e outras. Portanto, o controle se faz necessário antes de instalar a cultura comercial. Por sua vez, deve-se evitar o uso de espécies vegetais com suscetibilidade às mesmas pragas e doenças em sistemas de rotação, sucessão e consórcio.

É necessário cuidado especial com o manejo de determinadas plantas de cobertura, como mucuna e feijão-bravo-do-ceará, para que não se tornem plantas invasoras. O corte deverá ser efetuado no início da floração, que ocorre a partir de 90 dias, e o ciclo se completa a partir de 150 dias. Por causa da desuniformidade na germinação e, consequentemente, na floração, deve-se evitar a formação de sementes e, principalmente, a sua maturação, pois essas sementes podem permanecer no solo e rebrotar. Para minimizar o problema da desuniformidade da germinação, devem escarificar as sementes imergindo-as em água em ebulição por 30 segundos. O manejo da biomassa pode ser efetuado com o rolo-faca, roçadeira, triton, grade leve fechada ou por meio de herbicidas. Feito o corte, o material deve ser deixado na superfície, permanecendo como cobertura para o plantio direto. Recomenda-se priorizar a manutenção dos resíduos vegetais em cobertura, já que sua incorporação favorece a decomposição e promove a ciclagem mais rápida de nutrientes, prejudicando absorção pela cultura em sequência, sobretudo, daqueles com potencial de lixiviação como nitrogênio e potássio. Além disso, a incorporação favorece processos de erosão e incidência direta de radiação solar na superfície do solo.

Portanto, o uso de espécies vegetais que favorece o incremento da matéria orgânica do solo, a ciclagem mais eficiente de nutrientes e a cobertura do solo, contribuirá para sustentabilidade dos agroecossistemas praticados no Bioma Cerrado.

________________________________________________________
Arminda Moreira de Carvalho (pesquisadora - arminda@cpac.embrapa.br) trabalha na Embrapa Cerrados
-- 
Fonte: Juliana Caldas (4861/14/90/DF)
Jornalista da Embrapa Cerrados
juliana.caldas@cpac.embrapa.br
(61) 3388-9945

ARTIGO: Macaúba: potencial fonte alternativa para produção de biodiesel

Macaúba: potencial fonte alternativa para produção de biodiesel

Por Leo Duc Haa Carson Schwartzhaupt da Conceição.

Diversas espécies de palmeiras têm sido objeto de pesquisa e desenvolvimento (P&D) no Brasil visando à produção de biodiesel. Entre as espécies estudadas, a macaúba, Acrocomia aculeata (Jacq.) Lodd. Ex Mart., uma palmeira nativa das florestas tropicais e amplamente dispersa no território brasileiro. Seu aproveitamento econômico pode ser medido em termos energéticos, como produtora de óleo de polpa para produção de biodiesel e carvão do endocarpo, além do potencial de uso na indústria de alimentos, ração animal e cosméticos. Estima-se a produtividade, em plantios de macaúba com densidade de 200 plantas/ha, próxima de 5 t de óleo. Além de fonte alternativa para produção de biodiesel, o endocarpo da macaúba é considerado uma potencial fonte de utilização para produção de carvão vegetal de elevada qualidade, superior ao carvão produzido de eucalipto. O óleo das amêndoas destaca-se pelo percentual de ácido láurico, o que permite a inclusão da macaúba nas oleaginosas do grupo dos láuricos, valorizados no mercado internacional por sua ampla utilização na indústria de alimentos e cosméticos, e o farelo da amêndoa, com alto teor de proteína, pode ser utilizado na composição de rações para animais.

O recente cenário global prevê uma nova escalada de preços do barril de petróleo, além de um aumento da demanda pelo seu consumo, o que tem levado muitos países, inclusive o Brasil, a investir em programas de produção de óleos vegetais em substituição ao óleo fóssil. Outro aspecto importante no cenário atual é o apelo ambiental. O estabelecimento de metas quantitativas acordadas para redução dos níveis dos gases de efeito estufa pelos países desenvolvidos, somado ao aumento da demanda por combustíveis, tem impulsionado o uso de fontes de energia renováveis, com o objetivo de, além de diminuir a dependência externa de petróleo, minimizar os efeitos das emissões veiculares na poluição, principalmente nos grandes centros urbanos, e controlar a concentração de gases de efeito estufa na atmosfera.

Entre as fontes de combustíveis renováveis, o biodiesel tem recebido a merecida atenção com o lançamento do Programa Nacional de Produção e Uso de Biodiesel (PNPB) que visa, junto as razões citadas acima, beneficiar a agricultura familiar e promover a inclusão social com maior oferta de empregos no campo. A produção de biodiesel a partir da macaúba segue as linhas de desenvolvimento tecnológico a médio prazo, com a criação de sistemas de produção de oleaginosas perenes. A macaúba apresenta potencial para produção de óleo comparável ao dendê. Além disso, essa espécie é adaptada a ambientes mais secos do que o dendê pode suportar. Esse aspecto será importante frente a cenários futuros de mudanças climáticas com aumento da temperatura terrestre e, consequentemente, aumento da deficiência hídrica. Especialistas preveem mudanças na atual configuração agrícola do país para as próximas décadas. Dessa forma, a macaúba poderá tornar-se uma alternativa viável em áreas de maior risco climático para produção de biodiesel.

Entretanto, no processo de domesticação para viabilizar o uso dessa espécie como fonte de combustível renovável, são necessários estudos para adequação de um sistema de cultivo capaz de explorar seu potencial de rendimento. Nesse sentido, ações de pesquisas têm sido realizadas visando contribuir para domesticação e utilização dessa espécie nativa como fonte alternativa de matéria-prima. Entre os estudos em andamento, estão pesquisas relacionadas com efeitos do uso de irrigação e adubação. A adubação é um aspecto importante entre os fatores que podem limitar a capacidade produtiva de uma cultura, além disso, há a necessidade de avaliar os efeitos da irrigação, prevendo a alternativa por cultivos de elevado nível tecnológico, assim como, verificar a viabilidade do uso de sistemas irrigados frente a possíveis respostas dessa espécie.

O processo de domesticação da macaúba será também altamente dependente do gerenciamento da variabilidade genética existente, evidenciando a necessidade da coleta, caracterização e conservação dos recursos genéticos em banco de germoplasma, visando ao melhoramento dessa espécie. Diversos estudos foram realizados com o intuito de caracterizar quanto a aspectos produtivos, morfológicos ou biométricos, fenológicos, reprodutivos e moleculares. Entretanto, até então, esses trabalhos foram realizados em populações naturais de diversas localidades de diferentes regiões do Brasil, ou com base em amostras (frutos ou DNA) retiradas dessas populações. Tais estudos foram importantes para atestar o potencial dessa espécie em relação a produtos e coprodutos em suas inúmeras finalidades (biodiesel, carvão, cosméticos, fitoterápico, alimentação humana, ração animal) e (ou) verificar a variabilidade existente, e servirão para nortear e (ou) justificar ações de pesquisas voltadas ao pré-melhoramento e melhoramento da macaúba.

Atualmente, a Embrapa é responsável por um banco ativo de germoplasma de macaúba estabelecido na área experimental da unidade ecorregional Embrapa Cerrados, em Planaltina, DF. Recentemente instalado, o Banco Ativo de Germoplasma de Macaúba da Embrapa Cerrados (BAGMC) conta com 100 acessos oriundos de diversas regiões do território brasileiro. Trabalhos de conservação, caracterização, avaliação e enriquecimento do BAGMC vêm sendo realizados. Dessa forma, será possível identificar quais acessos são promissores para uso no melhoramento, visando superar e contornar as limitações dessa espécie que possam interferir no sistema de cultivo, preenchendo lacunas e tornando-a viável para inserção no crescente mercado de biocombustíveis. Nesse contexto, essas ações de pesquisas, desde a avaliação de fatores do sistema de cultivo à caracterização e avaliação de acessos conservados em banco de germoplasma, poderão contribuir de forma efetiva para a diversificação das fontes de óleo vegetal e, consequentemente, para atingir as metas do PNPB, inserindo uma espécie com elevada adaptação aos diferentes biomas brasileiros e com um elevado potencial de rendimento de óleo por área ocupada.

________________________________________________________
Leo Duc Haa Carson Schwartzhaupt da Conceição (pesquisador - leo.carson@cpac.embrapa.br) trabalha na Embrapa Cerrados
-- 
Fonte: Juliana Caldas (4861/14/90/DF)
Jornalista da Embrapa Cerrados
juliana.caldas@cpac.embrapa.br (61) 3388-9945

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Caprinovinocultura movimenta R$ 25 mi

Fonte: Primeiro Caderno | Economia
Edição de domingo, 19 de dezembro de 2010 
Atividade está presente nos 223 municípios da Paraíba e constitui um importante viés econômico estadual
Karina Araújo // karinaaraujo.pb@dabr.com.br

Mais de 830 mil caprinos e ovinos formam o rebanho da Paraíba atualmente, levando em consideração o censo realizado pelo Governo do Estado no ano passado, que contabilizou 762.262 animais e uma estimativa de crescimento anual de 10%. Embora não confirmada pela Associação Paraibana dos Criadores de Caprinos e Ovinos (Apacco), a caprinovinocultura deve movimentar, por ano, a quantia aproximada de R$ 25 milhões no estado, que é o quarto produtor da região Nordeste. A caprinovinocultura está presente em todos os 223 municípios paraibanos, embora a concentração maior esteja na região do Cariri, que acaba se transformando na base da economia destes municípios e constitui um importante viés econômico, na avaliação do presidente da Apacco, Luiz Gonzaga Targino Moura.

A caprinovinocultura é uma importante atividade pecuária para a região, segundo ele, porque mantém o homem no campo, oferecendo oportunidades e melhoria das suas condições de vida. Mas para o presidente da Apacco, ainda é preciso implantar uma maior regularidade na produção, o que trará vantagens para o produtor e também para o consumidor. A meta dos criadores é que, em cinco anos, a caprinovinocultura tenha um mercado assegurado, com a consolidação da sua cadeia produtiva.

Para fechar essa cadeia produtiva, que inclui a preparação dos caprinos e ovinos para abate, a produção, a criação e a comercialização dos animais, a Apacco e o Sebrae deram início neste ano a reuniões com os criadores. "A Apacco vai instalar centro de terminação em locais diversos que concentram a caprinovinocultura e o produto receberá um Selo de Qualidade", explicou Luiz Gonzaga.

Os criadores receberão extensão rural e acompanhamento, programa de cruzas e assistência, que fazem parte do plano estratégico, que está sendo elaborado. "Estaremos produzindo com mais qualidade", disse o presidente da Apacco, adiantando que no próximo dia 10 será realizada uma nova reunião e que, a partir de abril do próximo ano, o plano de fechamento da cadeia produtiva começará a ser executado.

JORNAL AGROSOFT: 21 de Dezembro de 2010

JORNAL AGROSOFT

Edição No 1065 de 21 de Dezembro de 2010

Senadora diz que Projeto Biomas democratizará pesquisa na propriedade
Leia na íntegra em www.agrosoft.org.br/agropag/216549.htm
A presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), senadora Kátia Abreu, disse ontem (20/12/10) que o Projeto Biomas vai "democratizar a pesquisa dentro da propriedade", permitindo com que todos os produtores rurais do País sejam inseridos no processo de combate ao aquecimento global aumentando a produção de alimentos sem prejudicar o meio ambiente.

TECNOLOGIA

A Raça Pé-duro
Leia na íntegra em www.agrosoft.org.br/agropag/216546.htm
A investigação sobre a filogenia e estrutura das raças tem sido em termos históricos uma área de trabalho bastante ativa em virtude da sua relevância em termos culturais e sócio-econômicos. Os marcadores moleculares são apropriados para estimar esses parâmetros, pois, geralmente, não sofrem influência direta da seleção para características de interesse econômico e, muito menos, do meio ambiente.

27º Treinamento Sistema Rotacionado Intensivo de Produção de Pastagem para Bovinos de Corte
Leia na íntegra em www.agrosoft.org.br/agropag/216544.htm
O 27º Treinamento Sistema Rotacionado Intensivo de Produção de Pastagem para Bovinos de Corte será realizado de 22 a 25 de fevereiro de 2011, em Piracicaba (SP). O curso, organizado pela Fundação de Estudos Agrários Luiz de Queiroz (Fealq), é destinado a profissionais relacionados à produção de bovinos de corte e estudantes das ciências agrárias.

Coleções de micro-organismos: experiência global
Leia na íntegra em www.agrosoft.org.br/agropag/216545.htm
Um acontecimento marcante para a comunidade científica mundial é a realização da XII Conferência Internacional sobre Coleções de Culturas (ICCC12), Florianópolis, SC, de 26 de setembro a 1° de outubro de 2010. A infraestrutura das coleções para o avanço da ciência e tecnologia; o impacto da informação e comunicação; desafios para a preservação de recursos biológicos; certificação e acreditação e formação de redes de atividades e cooperação internacional são alguns dos temas a serem debatidos como requisitos para a melhoria da qualidade das coleções.


Leia também estes destaques em TECNOLOGIA publicados recentemente:

ECONOMIA

Criação de búfalos no Brasil: investimento lucrativo e duradouro
Leia na íntegra em www.agrosoft.org.br/agropag/216542.htm
O Brasil é o um dos maiores exportadores de carne bovina do mundo, e apesar da fatia representativa, ainda há espaço no mercado da pecuária de corte e leite, que se mostra promissor principalmente quando se refere à bubalinocultura. Nos últimos 40 anos, o rebanho bubalino no mundo aumentou 91% - cifra pouco conhecida, que indica crescimento cinco vezes maior que o bovino.

Primeira termelétrica a gás natural do país é inaugurada dia 23 no Espírito Santo
Leia na íntegra em www.agrosoft.org.br/agropag/216541.htm
No dia 23 de dezembro de 2010, será inaugurada no município de Linhares, norte do Espírito Santo, a primeira usina termelétrica acionada por motores movidos exclusivamente a gás no ambiente regulado da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE). A Usina Termelétrica Linhares (UTE Linhares), que começa a operar comercialmente em dezembro de 2010, faz parte do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), terá capacidade de geração de 204 MW e vai abastecer o sistema elétrico brasileiro.

Sul da Bahia inaugura 1ª fábrica de chocolate da agricultura familiar do Brasil
Leia na íntegra em www.agrosoft.org.br/agropag/216543.htm
O município de Ibicaraí, no sul da Bahia, inaugurou no dia 18 de dezembro de 2010, a 1ª fábrica de chocolate da agricultura familiar do Brasil que funcionará em regime de cooperativa beneficiando 300 famílias de pequenos produtores de cacau da sede e cidades do entorno, como Coaraci, Buerarema, Itajuípe, Uruçuca e Floresta Azul.


Leia também estes destaques em ECONOMIA publicados recentemente:

POLÍTICA

Mudança de papel
Leia na íntegra em www.agrosoft.org.br/agropag/216547.htm
Por ser um dos países que mais pode sofrer as consequências do aquecimento global ? que coloca em risco a Floresta Amazônica, entre outros pontos ?, o Brasil deveria assumir um papel de liderança nas negociações climáticas internacionais e o compromisso de diminuir suas emissões de gases de efeito estufa antes de outros países entrarem em acordo.

Agropecuária baiana ganha planejamento estratégico para os próximos 20 anos
Leia na íntegra em www.agrosoft.org.br/agropag/216548.htm
Em evento que acontece às 9 horas de hoje, 21 de dezembro de 2010, no Hotel Pestana, a Secretaria da Agricultura, Irrigação e Reforma Agrária da Bahia (Seagri), entrega ao governador Jaques Wagner o Planejamento Estratégico Para a Agropecuária nos Próximos 20 anos, traçando o futuro para este importante setor da economia baiana. "Há dois anos, quando chegamos à Secretaria da Agricultura, consideramos que faltava à agropecuária do Estado um planejamento, com ações pensadas para médio e longo prazos", explica o secretário Eduardo Salles.

Ministério da Agricultura lança nova campanha do "Incrível Café"
Leia na íntegra em www.agrosoft.org.br/agropag/216550.htm
O mascote Incrível Café (foto ao lado) volta às televisões brasileiras, desta vez com uma campanha publicitária que estimula o consumo do produto, misturado ao leite, entre crianças e adolescentes. A primeira etapa começou a ser veiculada em canais de TV aberta ontem, 20 de dezembro de 2010. A propaganda mostra as qualidades do produto, considerado um excelente estimulante, dando às pessoas ânimo e energia.


Leia também estes destaques em POLÍTICA publicados recentemente:

www.agrosoft.org.br

JORNAL AGROSOFT

SERVIÇOS: Fale Conosco - Assinatura - Arquivo - BLOG - TWITTER - Cancelamento



FAPs e VALE divulgam resultado de chamada; Conselheiro da FAPESP será secretário da Educação; Boneca primata; Plástica em pacientes com câncer

AGÊNCIA FAPESP

Boletim produzido pela Agência de Notícias da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo

Para ler mais notícias acesse o site http://www.agencia.fapesp.br/

=====================================================================

AGÊNCIA FAPESP - 21/12/2010


ESPECIAIS

> FAPs e VALE divulgam resultado de chamada

Foram selecionadas propostas individuais e em rede de pesquisa, que deverão contribuir para o avanço do conhecimento científico e tecnológico nas áreas de mineração, energia, ecoeficiência e biodiversidade e produtos ferrosos para siderurgia

Leia em: http://www.agencia.fapesp.br/materia/13215/especiais/faps-e-vale-divulgam-resultado-de-chamada.htm


ESPECIAIS

> Conselheiro da FAPESP será secretário da Educação

Herman Voorwald, reitor da Unesp, é escolhido pelo governador eleito, Geraldo Alckmin, para assumir a secretaria estadual

Leia em: http://www.agencia.fapesp.br/materia/13216/especiais/conselheiro-da-fapesp-sera-secretario-da-educacao.htm


DIVULGAÇÃO CIENTÍFICA

> Boneca primata

Pesquisa mostra que filhotes de chimpanzés escolhem brincadeiras diferentes de acordo com o sexo e que fêmeas tratam gravetos como bebês

Leia em: http://www.agencia.fapesp.br/materia/13217/divulgacao-cientifica/boneca-primata.htm


NOTÍCIAS

> Plástica em pacientes com câncer

Levantamento do Instituto do Câncer do Estado de São Paulo mostra que 60% das cirurgias reparadoras em pacientes atendidos no órgão são para recuperação de áreas afetadas pelo câncer de pele

Leia em: http://www.agencia.fapesp.br/materia/13218/noticias/plastica-em-pacientes-com-cancer.htm


NOTÍCIAS

> Mestrado em Filosofia das Ciências e da Matemática

Curso da UFABC é destinado a graduados em biologia, filosofia, física, história, matemática e química. Inscrições vão até 8 de janeiro

Leia em: http://www.agencia.fapesp.br/materia/13219/noticias/mestrado-em-filosofia-das-ciencias-e-da-matematica.htm


AGENDA

> 10º Germplasm and Breeding

Encontro será realizado juntamente com o 7º Molecular Biology Workshop em Maceió

Leia em: http://www.agencia.fapesp.br/materia/13220/agenda/10-germplasm-and-breeding.htm


AGENDA

> Curso de Verão em Métodos Matemáticos em Biologia das Populações

Curso gratuito, organizado pelo Instituto de Biociências da USP, dará noções introdutórias para alunos de diversas áreas. Inscrições até 7 de janeiro

Leia em: http://www.agencia.fapesp.br/materia/13221/agenda/curso-de-verao-em-metodos-matematicos-em-biologia-das-populacoes.htm

=====================================================================

REPORTAGENS ANTERIORES:

> Brentani é reconduzido ao cargo de diretor- presidente da FAPESP
Leia em: http://www.agencia.fapesp.br/materia/13208/especiais/brentani-e-reconduzido-ao-cargo-de-diretor-presidente-da-fapesp.htm

> Mudança de papel
Leia em: http://www.agencia.fapesp.br/materia/13209/especiais/mudanca-de-papel.htm

> O retorno de "Guerra" e "Paz"
Leia em: http://www.agencia.fapesp.br/materia/13210/noticias/o-retorno-de-guerra-e-paz-.htm

> PD em fisiologia com Bolsa da FAPESP
Leia em: http://www.agencia.fapesp.br/materia/13211/noticias/pd-em-fisiologia-com-bolsa-da-fapesp.htm

> Doutorado em relações internacionais
Leia em: http://www.agencia.fapesp.br/materia/13212/noticias/doutorado-em-relacoes-internacionais.htm

> Escola de Verão INCT de Fluidos Complexos
Leia em: http://www.agencia.fapesp.br/materia/13213/agenda/escola-de-verao-inct-de-fluidos-complexos.htm

> 27º Treinamento Sistema Rotacionado Intensivo de Produção de Pastagem para Bovinos de Corte
Leia em: http://www.agencia.fapesp.br/materia/13214/agenda/27-treinamento-sistema-rotacionado-intensivo-de-producao-de-pastagem-para-bovinos-de-corte.htm

> Reunião orienta sobre submissão ao PIPE
Leia em: http://www.agencia.fapesp.br/materia/13201/especiais/reuniao-orienta-sobre-submissao-ao-pipe.htm

> Resultado da Chamada FAPESP-MIT
Leia em: http://www.agencia.fapesp.br/materia/13202/noticias/resultado-da-chamada-fapesp-mit.htm

> Biota Neotropica e BIOprospecTA transferem sistemas
Leia em: http://www.agencia.fapesp.br/materia/13203/noticias/biota-neotropica-e-bioprospecta-transferem-sistemas.htm

> Revista da FEA-USP entra na SciELO
Leia em: http://www.agencia.fapesp.br/materia/13204/divulgacao-cientifica/revista-da-fea-usp-entra-na-scielo.htm

> Especialização no setor sucroenergético
Leia em: http://www.agencia.fapesp.br/materia/13205/noticias/especializacao-no-setor-sucroenergetico.htm

> Laboratório de Humanidades Unifesp
Leia em: http://www.agencia.fapesp.br/materia/13206/agenda/laboratorio-de-humanidades-unifesp.htm

> 5º Latin-American Symposium on Dependable Computing
Leia em: http://www.agencia.fapesp.br/materia/13207/agenda/5-latin-american-symposium-on-dependable-computing.htm



=====================================================================

MAIS LIDAS NO MÊS:

> Acesso livre à biodiversidade
Leia em: http://www.agencia.fapesp.br/materia/13132/especiais/acesso-livre-a-biodiversidade.htm

> Proteína restaura memória
Leia em: http://www.agencia.fapesp.br/materia/13182/divulgacao-cientifica/proteina-restaura-memoria.htm

> Vida onde não se imaginava
Leia em: http://www.agencia.fapesp.br/materia/13133/divulgacao-cientifica/vida-onde-nao-se-imaginava.htm

> Genes escolhidos
Leia em: http://www.agencia.fapesp.br/materia/13131/especiais/genes-escolhidos.htm

> Para além dos números
Leia em: http://www.agencia.fapesp.br/materia/13195/especiais/para-alem-dos-numeros.htm



=====================================================================

RSS:

-       Feed: http://www.agencia.fapesp.br/rss/noticias.xml
-       O que é isso: http://www.agencia.fapesp.br/materia/3438/noticias/agencia-fapesp-em-rss.htm


=====================================================================

Fonte: Agência FAPESP: agencia@fapesp.br

Contratações de crédito agrícola atingem R$ 41,8 bilhões

Fonte: AGROLINK 

Agrolinkfito | Agrotempo | Cotações | Colunistas | Agromáquinas | Oportunidades | Eventos | Saúde Animal | Anuncie Aqui
 Terça-Feira, 21 de Dezembro de 2010.  
Publicidade
Oportunidades - Clipping
 
Destaques
Natal com mais carne e estímulo à produção
A demanda por carne mostra-se aquecida apesar do reajuste generalizado nos preços ao consumidor verificado no último ano. Nos próximos dias, o setor produtivo espera novo au­­mento, pela proximidade das festas de Natal e Ano Novo. A cadeia prevê que, passada essa empolgação, o consumo ainda será bom o suficiente para justificar incremento na criação de frango, suínos e bovinos no Paraná.

Gazeta do Povo para assinantes  
Contratações de crédito agrícola atingem R$ 41,8 bilhões
Os agricultores brasileiros contrataram R$ 41,8 bilhões para financiamento de custeio, investimento e comercialização no período de julho a novembro deste ano. Esse valor corresponde a aproximadamente 42% do total de R$ 100 bilhões programados no Plano Agrícola e Pecuário (PAP) 2010/2011 para financiar a agricultura empresarial neste ciclo.

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento  
» China supera EUA como maior fornecedor de defensivos agrícolas para o Brasil   (Agrolink)

 
Geral
Mudança na tributação do crédito rural e da pessoa física
A maior parte da renúncia fiscal de até R$ 662 milhões para 2011, provocada pelo pacote de crédito de longo prazo anunciado na última quarta-feira (15), virá da mudança na tributação de dívidas do crédito rural e da pessoa física. Apenas essa medida será responsável por uma perda de caixa de R$ 200 milhões a R$ 500 milhões no próximo ano.

Agência Brasil  
Sertão pernambucano pode ter chuva acima da média no início de 2011
Os três primeiros meses do próximo ano devem ser marcados por chuvas variando de normal a acima da média histórica principalmente no semiárido do Estado. A continuidade do fenômeno La Niña, no qual se apresenta com intensidade moderada, é o principal fator para este cenário climático. A informação é do Laboratório de Meteorologia de Pernambuco (Lamepe), órgão vinculado ao Instituto de Tecnologia de Pernambuco (Itep).

Agrolink  
» Agricultura rejeita novas regras para arrendamento de terras   (Agência Câmara)

» Comissão aprova política de integração lavoura-pecuária-floresta   (Agência Câmara)

» Expropriação de terras causa tensão na Venezuela   (Folha de Londrina)

» Fiscalização vai usar aviões e imagens de satélites   (Gazeta do Povo)

 
Agricultura
Começa ação do Troca-Troca
Começou a distribuição das sementes de milho do programa estadual Troca-Troca para a safrinha 2011. Sexta-feira, a Seappa liberou os lotes para as 106 cidades que participam desta etapa. Segundo o coordenador do Feaper, Paulo Braccini, até o dia 10 de janeiro, serão distribuídas 40 mil sacas, sendo 18% de sementes transgênicas.

Correio do Povo  
Conab realiza leilão de escoamento de milho
A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) realiza na quinta-feira o leilão de Valor de Escoamento de Produto (VEP) do milho. Serão ofertadas 260 mil toneladas de milho dos estoques públicos. Do total, 200 mil toneladas serão escoadas para os estados das regiões Norte e Nordeste e 60 mil toneladas para o Espírito Santo, Rio de Janeiro e norte de Minas Gerais.

DCI - Diário do Comércio & Indústria  
» Seca na Argentina altera mercado de grãos   (Gazeta do Povo)

» Freio à indústria brasileira   (Gazeta do Povo)

 
Negócios
BioGene lança seu Catálogo de Produtos para a safra 2011
A BioGene lança seu catálogo de produtos para a safra 2011. No catálogo são apresentados os híbridos BioGene convencionais e com as tecnologias Herculex® I e YieldGard®, suas regiões de adaptação, pontos fortes e cuidados na hora do plantio.

Agrolink  
Mais Alimentos supera metas
O Programa Mais Alimentos começará 2011 batendo todas as previsões traçadas no seu lançamento, em julho de 2008. Até agora, já foram negociados 35.472 tratores, 47,8% mais do que os 24 mil projetados até julho de 2011.

Correio do Povo  
» Suzano aprova empréstimo de R$2,7 bi para fábrica no MA   (Reuters)

 
TEMPO
SAO PAULO
21ºC
31ºC
Umidade 60%
veja mais
 
Publicidade
Oportunidades
 
MERCADO
  Valor Var
Dólar R$ 1.71 -0.29%
Bolsa 67264 -1%
veja mais
 
COTAÇÕES
  SP PR RS
Algodão - - -
Arroz 34.00 33.24 25.64
Café 385.00 310.00 -
veja mais
 
COLUNAS
Richard Jakubaszko
IPCC: mais um "mea culpa"
veja mais
 
AGROMÁQUINAS
Mercedez Bens LS 1938 e Carreta LS
Teto Alto, Tapeçaria, Rodo ar, Interclima, Rádio PX, Som, Vidro Elétrico, Pneus em bom estado, motor e câmbio revisados. Aceita troca em semi-novos da marca Iveco, MB ou Scania...

veja mais
 
OPORTUNIDADES
Engenheira Agrônoma Qualificada
Engenheira Agrônoma formada pela Univesidade Federal do Paraná. Disponível para atuar na area de produção vegetal, com experiência comprovada em produção de Frutíferas...

veja mais
 

Agradecimento

Foram muitas as horas que passamos elaborando, estudando e sonhando para criar a “ONG AIAS”. Durante este tempo, muitas pessoas estiveram envolvidas até que nós chegássemos a um resultado final; porém, não é fácil ter as palavras corretas para mostrar-se grato a todos os envolvidos. Estejam certos de que a felicidade que estou sentindo por estarmos unidos é muito grande. Você só poderá encontrar a felicidade quando souber fazê-la nascer de dentro de seu coração, quando aprender a ajudar a todos indistintamente, com suas ações, suas palavras e seus sentimentos.

Em primeiro lugar, gostaria de agradecer a “Deus” pelo descanso da noite e pela claridade da manhã, e que esteve sempre ao nosso lado nos dando forças para continuar trabalhando e não desanimar nas horas difíceis.

Em segundo lugar, gostaria de agradecer a minha esposa, companheira e amiga, Marli, pela paciência que teve e pelo perdão pelas horas que não lhe dediquei, pois foram consumidas neste trabalho, e pelo amor que me dedica em todos os momentos de sua vida.

Aos meus familiares adoráveis, em especial a minha mãe (Mariana), irmã (Solange), avós paternos e maternos, a minha querida sogra Cota (Dona Celina) e o meu sogro Bia (Sr. Bienor, o meu querido Bia), fontes principais do entusiasmo na elaboração e criação desta associação. É preciso não pensar na idade, mas vivê-la; saber ser feliz é preciso, antes de tudo, encontrar a paciência, suprir a necessidade da mente, em busca do dia-a-dia na consciência de entender que um dia você pode lutar para vencer, mesmo que antes já tenha sido derrotado, mas sem nunca perder as esperanças.

Porque o comodismo é a injustiça da liberdade, que provoca o transtorno, e o desamor à condição de caminhar pela paz.

E a vida é todo o espaço de tempo que temos para pensar no momento em que estamos conscientes do que fazemos em benefício do amanhã pela Caprinocultura e Ovinocultura.

A todas as pessoas da “ONG AIAS - Caprinos & Ovinos”, aos diretores, conselheiros, amigos, pessoas que colaboram diretamente ou indiretamente, ao meu Compadre e grande Amigo Everson Soares de Oliveira o Sonn, obrigado, para o sucesso desta associação, para que este material chegue até você, nosso muito obrigado.

“O maior sentimento que podemos ter é sentir no coração que Deus pode realizar aquele sonho que para muitos é impossível, mas para Deus não, porque quando eu não posso Deus pode.”

AIAS
Pelo Latim Ahias, do Hebraico Ahiyas
“Amigos de Deus”