Ola..

Seja bem-vindo, Obrigado por acessar nosso Blog.
Hoje é

segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Ministério da Agricultura abre inscrição para 288 vagas

Ministério da Agricultura abre inscrição para 288 vagas em dez ...
O Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento dá início nesta
segunda16 à inscrição de concurso público com 288 vagas em dez cidades
...
<http://noticias.uol.com.br/empregos/ultnot/2009/11/16/ult6957u1418.jhtm>

Eventos Gestão na Caprinocultura e na Ovinocultura


O próximo Curso sobre Gestão na Caprinocultura e na Ovinocultura oferecido pela Capritec ocorrerá nos dias 28 e 29 de Novembro ...

Crédito: Capritéc

Grupo Cultivar

O Seminário é promovido pela Secretaria de Estado da Agricultura
Ministério ... Silva secretário de Defesa Agropecuária da Secretaria de
Defesa Agropecuária ...

Epagri lança a Síntese da Agricultura de Santa Catarina 2008/2009

Epagri lança a Síntese da Agricultura de Santa Catarina 2008/2009

Prestigiaram o lançamento o diretor geral da Secretaria da Agricultura, Gelson Sorgatto, o secretário executivo do Projeto Microbacias 2, Athos de Almeida Lopes, representantes da Faesc, Fetaesc, Ocesc, Banco do Brasil, Ministério do ...

Crédito: Agronline - o site da agropecuária - http://www.agronline.com.br/

Kit para ordenha de leite de cabra

Embrapa implanta kit para ordenha de leite de cabra no Ceará

05/11/2009


A Embrapa Caprinos e Ovinos, de Sobral, CE, está iniciando um projeto piloto para a implantação de um kit de ordenha manual para leite de cabra no estado. A ação terá início durante um curso sobre manejo para caprinocultura leiteira, que acontece entre os dias 11 e 13 de novembro, no assentamento Boa Vista, no distrito São João dos Queiroz, em Quixadá.

O kit, desenvolvido pela Embrapa Gado de Leite, de Juiz de Fora, MG, consiste em uma série de equipamentos para procedimento higiênico na ordenha, com o objetivo de evitar a contaminação do produto por bactérias e resíduos de antibióticos e vermífugos, colaborando para a melhor qualidade do leite de cabra e seus derivados, como queijos, doces e iogurtes.

Beneficiados pelo kit de ordenha

No projeto, o kit será destinado a agricultores familiares, com produção de até 50 quilos de leite por dia. Os produtores rurais participantes terão treinamento teórico e prático no dia 12 de novembro, ministrado pela médica veterinária Lea Chapaval, pesquisadora da Embrapa Caprinos e Ovinos.

“Muitos dos equipamentos já são conhecidos dos produtores, mas não são usados de forma correta. É preciso chamar atenção para aspectos como a limpeza do local da ordenha, o uso da água clorada para higiene dos baldes, as mãos do ordenhador que devem estar limpas e com unhas cortadas', diz Lea.

Cerca de 80% das contaminações ocorrem nas salas de ordenha, com prejuízos aos produtores: a ocorrência da mastite, por exemplo, pode gerar perda de até 250 gramas de leite por dia em cada animal.

O objetivo do projeto piloto é financiar a implantação do kit em dez propriedades de agricultura familiar que trabalham com caprinos leiteiros na região do Sertão Central do Ceará, durante teste de três meses. Ao longo deste período, a Embrapa observará resultados referentes à qualidade do leite.

Em média, o conjunto de acessórios (que incluiu um balde semiaberto para ordenha, um balde de plástico para água clorada, cloro comercial, um par de luvas de borracha, detergente em pó, e escova ou bucha natural) custa R$ 150.

Crédito: http://revistagloborural.globo.com/GloboRural/0,6993,EEC1706124-1936,00.html

Expansão da caprinocultura leiteira será um dos temas do Simpósio Internacional

Líder nacional da produção de leite de cabra, os cerca de mil pequenos produtores paraibanos ganharam mais um reforço de incentivo para manter a liderança do segmento. O Programa Leite, uma parceria do Governo do Estado e Federal, irá aumentar a partir deste mês a compra governamental dos atuais 14 mil litros/dia para 30 mil litros/dia. Apesar da Paraíba ser apenas o sexto maior rebanho da Região Nordeste de caprinos, o Estado detém a maior produção de leite de cabra do País, cerca de 20 mil litros/dia. Além do Programa do Leite, os produtores destinam a diferença para fabricação de queijos, iogurtes e doces.

O produto vem despertando interesse também do mercado privado. De olho na produtividade paraibana, a fábrica Cabralac, do Rio de Janeiro, realizou, no último mês, a primeira compra de leite em pó. Foram vendidos nessa remessa mais de 12,7 mil litros que rendeu 1.425 quilos do leite de cabra em pó. Os produtores das cidades de Amparo, Umbuzeiro, Prata, Gurjão e Cabaceiras forneceram o leite para as usinas com qualidade comprovada pelo SIF do Ministério da Agricultura.

Com o aumento da cota governamental e a procura mais intensa do setor privado pelo produto vão ajudar atingir a meta do Projeto Aprisco para 2012: produção de 60 mil litros/dia, o que representa um crescimento de 200%. O Aprisco articula o desenvolvimento sustentável e integrado da caprinovinocultura no Nordeste dos diversos segmentos. Além do leite e derivados, a gastronomia, o corte e as indústrias de curtume, calçados, assessórios e roupas.

A expansão do setor da caprinocultura leiteira nos próximos anos será um dos temas da quarta edição do Simpósio Internacional sobre Caprinos e Ovinos de Corte (Sincorte), que será aberto na próxima segunda-feira, às 19h30, 16 de novembro, no Hotel Tambaú, em João Pessoa. O seminário, que se estende até 20 de novembro, vai reunir pesquisadores dos Estados Unidos, Portugal, Tunísia, Uruguai, Quênia, França, Espanha e África do Sul e dos diversos estados do Brasil debaterão as novidades científicas e tecnológicas do agronegócio da caprinoovinocultura no Brasil e no mundo. As políticas públicas voltadas para o setor também serão consideradas.

Paralelo ao Simpósio Internacional, ocorrerão outros cinco eventos, entre eles o 2º Fórum Nacional sobre a Caprinocultura Leiteira e a Feira Nacional do Agronegócio da Caprinovinocultura de Corte (Fenacorte). O evento promete estreitar as relações entre os produtores, a indústrias, as instituições de pesquisa, além da troca de experiências e informações que possibilitem inovações e venham a contribuir com o desenvolvimento da cadeia produtiva.

Os números do segmento mostram o potencial econômico e a vocação regional da ovinocaprinocultura na Região Nordeste. O apelo social e a possibilidade de geração de emprego e renda no campo da cadeia produtiva envolvem a produção leite e derivados, gastronomia, corte e as indústrias de curtume, calçados, assessórios e roupas. Atualmente, o Nordeste concentra 92,6% do total de caprinos do País, o que representa 9,5 milhões de cabeças, enquanto de ovinos a taxa na região é menor, mas também lidera com 58,4% das cabeças de ovinos (9,1 milhões).

Para o gestor do projeto Aprisco Nordeste e diretor do Sebrae Paraíba, Luiz Alberto Amorim, a implementação do projeto de desenvolvimento integrado de caprinovinocultura no Nordeste deverá produzir impactos mobilizadores, visando ampliar a inserção dos produtos do setor no mercado local, regional e nacional. “Queremos que a estrutura da cadeia produtiva migre de um foco de economia de subsistência, fase atual, para uma economia sustentável e de produção de escala. O nosso maior desafio atual é organizar comercialmente o setor para esse salto, pois queremos vender o leite de cabra mais como alimento e menos como remédio”, apontou.



Projeto para a produção de carne de caprino

APTA - Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios
18 Set 2009 ... Um projeto para a produção de carne de caprino por
produtores familiares está ... Câmara Setorial Especial de Caprinos e
Ovinos da Secretaria de ... traçam diretrizes para o setor sucroalcooleiro
no Estado de São Paulo. ...

Câmara Setorial de Caprinos e Ovinos quer selo paulista de qualidade

Câmara Setorial de Caprinos e Ovinos quer selo paulista de qualidade.
A Câmara Setorial de Caprinos e Ovinos, da Secretaria de Agricultura e
Abastecimento, ...

Câmara Setorial de Caprinos e Ovinos quer selo paulista de qualidade

Câmara Setorial de Caprinos e Ovinos quer selo paulista de qualidade.
A Câmara Setorial de Caprinos e Ovinos, da Secretaria de Agricultura e
Abastecimento, ...

DF: Câmara Setorial de Caprinos e Ovinos

DF: Câmara Setorial de Caprinos e Ovinos discute planos e o ...
29 Set 2009 ... Representantes da Câmara Setorial da Cadeia Produtiva de
Caprinos e Ovinos vão discutir dados sobre o mercado externo de produtos
do setor.

ITR beneficiará setor rural

Integracao
As sanções estão previstas na Lei 9.393/96 de criação do ITR e ainda para mais informações, o produtor rural pode obter na Secretaria de Agricultura de ...

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Nanotecnologias voltadas para a área de saúde

Diário da Saúde - Valinhos,SP,Brazil
Estes são alguns dos avanços em nanotecnologia desenvolvidos pelo
Instituto ... A nanotecnologia refere-se ao estudo de materiais com
dimensões na escala do ...

Embrapa Caprinos e Ovinos (Sobral, CE)

Veterinários uruguaios visitam Embrapa Caprinos e Ovinos — Embrapa
4 Nov 2009 ... e campos experimentais da Embrapa Caprinos e Ovinos (Sobral,
CE). ... em parceria com a Universidade Estadual Vale do Acaraú (CE), ...

Câmara Setorial de Ovinocaprinocultura

Bahia terá Câmara Setorial de Ovinocaprinocultura. Sebrae, produtores,
iniciativa privada e governo se unem para definir políticas públicas que
melhorem a ...
<http://www.agenciasebrae.com.br/noticia_pdf.kmf?cod=7996743>

Agradecimento

Foram muitas as horas que passamos elaborando, estudando e sonhando para criar a “ONG AIAS”. Durante este tempo, muitas pessoas estiveram envolvidas até que nós chegássemos a um resultado final; porém, não é fácil ter as palavras corretas para mostrar-se grato a todos os envolvidos. Estejam certos de que a felicidade que estou sentindo por estarmos unidos é muito grande. Você só poderá encontrar a felicidade quando souber fazê-la nascer de dentro de seu coração, quando aprender a ajudar a todos indistintamente, com suas ações, suas palavras e seus sentimentos.

Em primeiro lugar, gostaria de agradecer a “Deus” pelo descanso da noite e pela claridade da manhã, e que esteve sempre ao nosso lado nos dando forças para continuar trabalhando e não desanimar nas horas difíceis.

Em segundo lugar, gostaria de agradecer a minha esposa, companheira e amiga, Marli, pela paciência que teve e pelo perdão pelas horas que não lhe dediquei, pois foram consumidas neste trabalho, e pelo amor que me dedica em todos os momentos de sua vida.

Aos meus familiares adoráveis, em especial a minha mãe (Mariana), irmã (Solange), avós paternos e maternos, a minha querida sogra Cota (Dona Celina) e o meu sogro Bia (Sr. Bienor, o meu querido Bia), fontes principais do entusiasmo na elaboração e criação desta associação. É preciso não pensar na idade, mas vivê-la; saber ser feliz é preciso, antes de tudo, encontrar a paciência, suprir a necessidade da mente, em busca do dia-a-dia na consciência de entender que um dia você pode lutar para vencer, mesmo que antes já tenha sido derrotado, mas sem nunca perder as esperanças.

Porque o comodismo é a injustiça da liberdade, que provoca o transtorno, e o desamor à condição de caminhar pela paz.

E a vida é todo o espaço de tempo que temos para pensar no momento em que estamos conscientes do que fazemos em benefício do amanhã pela Caprinocultura e Ovinocultura.

A todas as pessoas da “ONG AIAS - Caprinos & Ovinos”, aos diretores, conselheiros, amigos, pessoas que colaboram diretamente ou indiretamente, ao meu Compadre e grande Amigo Everson Soares de Oliveira o Sonn, obrigado, para o sucesso desta associação, para que este material chegue até você, nosso muito obrigado.

“O maior sentimento que podemos ter é sentir no coração que Deus pode realizar aquele sonho que para muitos é impossível, mas para Deus não, porque quando eu não posso Deus pode.”

AIAS
Pelo Latim Ahias, do Hebraico Ahiyas
“Amigos de Deus”